quinta-feira, 1 de fevereiro de 2007

o ambientalmente correto

"O Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC, na sigla em inglês) deve anunciar nesta sexta-feira que as alterações no clima do mundo são “muito provavelmente” causadas pela ação humana."
Essa é uma das principais manchetes da BBC nessa quinta-feira. Eu olho, leio, e não consigo segurar uma discreta gargalhada. Já se vão mais de 30 anos que cientistas, ambientalistas, "porra-loucas", e "anti-porra loucas" discutem esse assunto e chegaram a um consenso (já faz algum tempo) de que isso não é probabilidade, é certeza.
Mas só agora, as "grandes cabeças" da política mundial, os ditos "homens sérios", estão achando que é "muito provável" que a humanidade tem algo a ver com isso (vide os recentes discursos da nata da politicagem mundial -Tony Blair à frente, agora acompanhado até do Bush-). Aliás, é cômico ver o Bush "puxando o saco" do nosso etanol depois das merdas que ele (e o resto do clã) fez (e fizeram) no oriente-médio buscando petróleo.
Bom, parece que a inteligência está chegando ao olho do furacão, antes tarde do que nunca. Aliás, eu não acredito nessa palavrinha escrota chamada "ambientalmente correto", eu acredito num negócio chamado bom senso. Hoje em dia, ser "ambientalista" é ser uma pessoa com um mínimo de cérebro e com respeito a si próprio, e a própria sobrevivência. Nada mais. Provavelmente eu deva ser um.

Um comentário:

Cristina disse...

Eu li/ouvi em algum lugar que iam fazer uma manifestação contra o aquecimento global. Como diz o Simão, é a piada-pronta rs.
O que eu acho engraçado é agora todo mundo ficar desesperado com essas notícias, as mesmas pessoas que desperdiçam água, deixam tds as luzes de casa acesas e jogam papel no chão...
;]