quinta-feira, 19 de abril de 2007

série "figurinhas do mundo alexandrino": o biscoito Traskine (postagem de aniversário)


Todos nós temos biscoitos em nossas vidas. Com ou sem consciência disso. Seres que trazem um pouco do sabor doce que toda e qualquer existência precisa ter. Obviamente não existem só os biscoitos, mas eles possuem aquela peculiaridade de estarem conosco nas horas que mais precisamos (não sei se vocês já repararam nisso). Ali emcima da mesa solitários e pensativos. Ou em bloco, todos juntinhos. Quem, em sã consciência, não deixa sempre um pacotinho dos ditos guardado na dispensa?..

Esse é o biscoito traskine, um biscoito fêmea, deixemos bem claro (tá meio difícil de identificar, mas é.. hehehe..). Desconfio ser o único biscoito de 28 anos* de idade que eu conheço. Temos uma amizade muito boa. Amizade que surgiu da ligação com um outro ser "docilínio" que de uma certa forma me apresentou a ela. Já se vai mais de ano. E a amizade segue firme e forte.

É um biscoito cientista social e que gosta de Blur. Muito chique isso. Coisas aliás que eu gosto tb, ou seja, nunca falta papo entre a gente. Falar sobre música, pessoas, ciência política, e banalidades.

Biscoitos são cheios de qualidades, e é difícil ficar enumerando todas (lá vou eu plagear a moça denovo.. hehehe..). Algumas?.. Bom.. senso de humor (característica infalível dos biscoitos), uma perseverança que me dá inveja (apesar de ela se dizer um biscoito resignado), paciência.. e principalmente, é uma amiga cúmplice (coisa rara entre as amizades hj em dia.. que andam muito frágeis e fugazes - ainda vou fazer um post sobre isso). Enfim, daquelas pessoas que você senta e pensa: "gostaria de ter essa força.. essa firmeza na alma.."

E você pergunta: cumplicidade com um biscoito?.. Pois é, é isso mesmo. A humanidade que pode existir em um biscoito é muito maior do que imaginamos muitas vezes. Você logo pensa no recheio.. em tirar a "tampinha".. mas existe muito mais coisa ali. Coisas que só percebemos qndo sentamos e refletimos sobre a "natureza ontológica do biscoito" (relembrando minhas aulas de filosofia do Direito.. hehehe..).

Garanto que a partir dessa postagem vocês irão refletir muito mais sobre os "biscoitos" que existem em suas vidas. Ou se não fizerem, façam!.. hehehe. Pois biscoitos são discretos, estão ali quietinhos.. mas são fundamentais.

OBS: essa foto está em escala reduzida.. "biscoito traskine" é da altura de um prédio de 10 andares.

postagem original editada em 12/11/2005.
* a postagem foi editada a 2 anos atrás, portanto, atualmente, "biscoito Traskine" completa 30 anos de idade.

2 comentários:

Cristina disse...

Já faz 2 anos que você escreveu isso? Olha só...
Obrigada mais uma vez pelo carinho. beijo!

Carrie Bradshaw Tupiniquim da Silva disse...

não conhecia esse também, muito legal!
beijo!