sábado, 23 de junho de 2007

vida de solteiro (2)

Num cálculo rápido, 1 ano e 9 meses morando sozinho. Estive pensando nesse números, já é um tempo razoável. Interessante que apenas recentemente eu acho que me adaptei plenamente ao fato de que estou vivendo "on my own".

Consegui conquistar, digamos, uma "tranquilidade de espírito" que relutava em chegar. Uma certa ansiedade ficou pra trás, e só agora eu estou conseguindo realmente me organizar e "planejar as coisas que precisam ser planejadas" (momento Luis Inácio Lula da Silva).

Poderia creditar isso ao fato de que estou mais "confortável" no meu trabalho, e seguro sobre o meu potencial e as minhas possibilidades. Aliás, isso me reanimou a prestar concursos públicos, e a enxergar na minha "canoa" um verdadeiro "transatlântico", algo essencial pra quem pretende encarar o "mar-aberto".

Não sei até que ponto isso irá resultar numa real (e necessária) mudança de atitude em alguns aspectos. Contudo, sinto que consegui consolidar a "liquidez emocional" que vinha me atrapalhando severamente desde que resolvi me mudar aqui pra sampa.

Enfim, visualizar mais do que um "nevoeiro de idéias" na minha cabeça deixou de ser uma aberração. Isso é fato.

4 comentários:

Carol disse...

Mudanças são necessárias. Sempre.
Mudança é sinônimo (pra mim) de ensinamento.
Você pode tudo.
TUDO.

Cristina disse...

Que bom =]
beijo!

Bruna_ disse...

uia. compro até um vade mecum novo da RT.. huahuahua

Luciana disse...

Boa sorte ;-)