domingo, 17 de fevereiro de 2008

Luiza Possi (4)

("uma beleza inocente que disfarça uma forte sensualidade dissimulada" - Doctor Van Nostrand)

A primeira musa tupiniquim do blog. Depois de séculos sem lembrar da moça, eu a vi no programa "Altas Horas" da Rede Globo ontem à noite. Não sei exatamente porque, mas me "lembrei" que ela fazia parte do panteão de seres oníricos desse espaço.

Ignoremos o fato de que eu simplesmente desconheço o trabalho musical dela (e nem sei se iria gostar), e que a moça carrega sempre consigo uma frauda velha que usava quando era criança como uma espécie de amuleto (?). Enfim, esses pequenos defeitos mundanos não contam mesmo nos nossos sonhos platônicos.

You´re added, mistress Possi.

img: http://ego.globo.com

5 comentários:

doug disse...

eu parei o q estava fazenda só pra vê-la...

adorei a histórinha da fralda!

doug disse...

a "mafalda" é uma função (rs)

Cristina disse...

Eu preciso pensar bem se tem algum brasileiro que entraria pra minha borracharia... rs

Bruna_ disse...

ahh no começo da carreira ela dava umas derrapadas.acho que agora ela tá mais decidida quanto ao gênero. rs é o que sinto. eu curto a voz dela, ainda que não tanto algumas músicas. =)

doug disse...

"no começo da carreira ela dava umas derrapadas"

isso mesmo, bruna, uma vez a vi dando uma de rockeira no falecido programa do mion na band, prefiro agora, apesar de nunca ter ouvido nada dela...