segunda-feira, 28 de abril de 2008

"bloguiografia"

Depois de quase um mês sem atualização, estamos de volta. Não que as "férias" aqui do local tenham sido planejadas, muito pelo contrário. O sumiço foi totalmente desprovido de propósito, mas de uma certa forma inevitável. Assim como inevitável será o processo de "amadurecimento" desse espaço, com algumas mudanças sensíveis.

Já fazia algum tempo que essa postagem estava "cozinhando" e pedindo pra sair. Nada de muito especial, mas antes que o blog deixe a barba e a barriga crescer, eu preciso deixar registrado que este não foi o primeiro (e quem sabe não seja o último) blog pessoal que editei no cyberespaço. Acredito que 95% dos leitores um pouco mais engajados desse blog não tenham tomado conhecimento das investidas anteriores do pobre escriba, então vamos lá:

"A Rush of Blood to the Head" - primeiro semestre de 2004

Eu mesmo tenho poucas informações sobre o blog, até porque fulminei o dito cujo sem deixar qualquer registro. Mas lembro-me que era algo mais tosco e levemente divertido, com a qualidade da escrita um pouco mais precária. Já era dominado pelo negro, e possuía um script de um olho gigante que ficava passeando pela tela "vigiando" os visitantes (pena que perdi esse layout). O foco era voltado basicamente pra música, e trivialidades que hoje eu vejo como nada blogáveis. O dito cujo era conhecido por, no máximo, uma meia dúzia de pessoas. Não lembro bem porque não prosperou, mas como uma espécie de "debut blogueiro", valeu a pena.

"Rock-Cafeína" - 08/11/2004 - 12/02/2005


Algo como uns dois meses depois do "sepultamento" do "A Rush.." surgiu o "Rock-Cafeína". Eu diria que esse blog foi como que um protótipo ou um "plano piloto" do espaço atual. O visual e a proposta são bem parecidos, mas eu ainda tinha uma verve blogueira excessivamente "porra-louca", poderíamos dizer assim. Havia um certo exagero e talvez uma razoável inocência na própria escrita que sempre me deixou com uma relação de amor e ódio com as minhas postagens. Relação tão conturbada que culminou com o fim precoce do blog (pouco mais de três meses de escrita com 44 postagens) e a promessa de não voltar a ter outro. A temática era bem variada e eu tinha um ânimo bem maior pra escrever sobre política. Ao contrário do blog anterior, não tive nenhum "faniquito" radical e mantive os arquivos intactos, preservando a memória do coitado.

"Empty Spaces" - 04/06/2006 - atualmente

Bom, se você não caiu de pára-quedas por aqui e está lendo essa postagem é porque já conhece o dito "espaço vazio", não preciso me delongar muito falando dele. Depois de mais de um ano sem blogar, num desses "insights" da vida, resolvi voltar a escrever. Talvez o fato de nunca ter realmente gostado do que escrevia no blog anterior me fez desenvolver uma nova "proposta", em vez de continuar de onde havia parado, preencher o "vácuo" de comunicação que todo bom blogueiro sabe ser o pressuposto-mor da "profissão". Ao contrário das tentativas anteriores, dessa vez tudo fluiu sem encanações e "neuroses blogueiras". Tanto que em breve o blog completa dois anos de existência, e cada vez me identifico mais com ele. Sinal de que veio pra ficar. Eu espero.

6 comentários:

fabiano disse...

esse post me fez pensar que o meu tem quase sete anos, sempre com o mesmo nome, mesmo visual, apenas uma mudança (forçada) nos servidores (desembucha, blogspot e agora blogger) e basicamente os mesmos assuntos. deve ser sinal de resistência a mudanças e falta de amadurecimento...
e longa vida ao Empty Spaces!

Aline-NC disse...

"Blog faz bem à saúde. Eu recomendo".
A minha primeira tentativa de blog chamou-se "The State I Am In", uma música de Belle & Sebastian. Eu tenho uns textos-velharias dessa época... vou ver se há algo "publicável" :)

doug disse...

e eu espero tb ;)

Bruna_ disse...

ráaaaaaaaaaaaaaaaa
eu já fiz alguns blogs.
acho que agora parei nesse. rsrs

Cristina disse...

Eu tenho o(s) mesmo(s) blog(s) desde que comecei a blogar, em 2004. Me lembro vagamente de ter visto o "A Rush" e do "Rock cafeína", apesar de não me lembrar de nenhuma postagem em específico. Você só não falou que tem mania de criar e deletar fotologs também rs
Não desiste do "Empty spaces" não, a gente gosta dele ;]

Carrie Bradshaw Tupiniquim da Silva disse...

também espero q não delete pq conheci todos os outros e os flogs q vc deletou tb rss
beijo!