quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

a tríade crepuscular

(clique aqui para uma mais completa e detalhada visualização, via fotolog)

Foi um clique despretencioso. Estava na lavanderia do apê, comendo sobras do café e observando o belo pôr-do-sol campineiro. Eu suspeitei da junção. Consegui identificar Vênus (a famosa Estrela D´alva) junto à Lua, mas o outro pulso brilhante me deixava em dúvida. Arrisquei que fosse Marte, mas estava muita clara e alva pra ser o planeta vermelho.

Lendo a Folha de SP hoje, a constatação:

"RARO ENCONTRO - Triângulo formado por Vênus, Júpiter e a Lua crescente (...); fenômeno, que só irá se repetir em 2052, pôde ser visto em vários lugares do mundo, inclusive no Brasil." (FSP; 03/12/2008; Cotidiano - p. C10)

Se eu posso me dar ao luxo de dar algum conselho, vamos com este: caro leitor, observe mais o céu; não importa onde, como, nem o horário do dia, mas observe. Faça disso um esporte, e note como as sutilezas da Beleza (com "b" maiúsculo mesmo) vão ficando mais claras, e o espírito mais forte e menos resignado.

4 comentários:

Cecilia disse...

Droga. Adoro essas coisas, mas não tenho observado o céu tanto assim. Preciso abrir mais minha janela.

Garota no hall disse...

Lá onde eu moro? Meio difícil... tem muito prédio e poluição. E um dia um avião ainda vai bater na Lua :-|

Eliseu Raphael Venturi disse...

aqui em curitiba não teve :S

Cristina disse...

Que pena que perdi isso, mas a foto ficou linda :]